Segunda-feira, 2 de Fevereiro de 2009

"Um mês depois do início da semana de trabalho de quatro dias na Câmara de Mafra, os funcionários já chamam à sexta-feira "o seu dia" e dizem que compensa fazer mais horas para depois ter um fim-de-semana prolongado. O serviço de recursos humanos da autarquia também faz um balanço positivo e diz que regista menos ausências.

"A sexta-feira passou a ser o meu dia e também o dia da mãe", disse Margarida Infante, psicóloga dos serviços de educação e acção social. "Saber que temos a sexta-feira livre, seja para tratar de nós ou dos filhos, acaba também a nos motivar mais no trabalho", afirmou. A funcionária, que tem três filhos pequenos, disse que passou a ter mais tempo para a família, faz as compras a horas de menos enchentes e trata de outros assuntos.

"No início as pessoas estavam nas expectativas e ao mesmo tempo com receio do que signficaria trabalhar mais horas para a sua vida familiar, mas a verdade é que o balanço é muito positivo", disse Rui Duque, responsável pela modernização administrativa e pelos recursos humanos da Câmara de Mafra. A autarquia estima poupar nos consumos de energia, segurança e serviços de limpeza cerca de 50 mil euros por semana.

Os serviços da autarquia funcionam de segunda a quinta-feira, das 09.00 às 17.00."

Diário de Notícias - hoje.



publicado por notasdeabrantes às 19:44 | link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

Até outro dia!

Os Tribalistas

Manuela já tem sucessor

Placard Informativo

Empresas que mexem

Portas-Abertas nos Bombei...

O Campo dos Media

Para pensar

A Comunicação como apoio ...

A política de Portas-Aber...

arquivos

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

blogs SAPO
subscrever feeds