Quinta-feira, 5 de Março de 2009

Num artigo publicado na edição deste mês da revista Invest, o director-executivo da Emirec Comunicação, fala-nos do crescimento do Marketing Tribal.

Para António Fraqueiro, os consumidores "tribalistas" são fruto das formas de socialização criadas pela internet, onde grupos de consumidores interagem, independentemente da sua localização geográfica, idade ou outros critérios.

Está aqui em crescimento um novo desafio para os profissionais do marketing.

Também a política tem que olhar para estes novos grupos de pessoas. Curiosas, informadas, com capacidade de influência.

Na blogosfera, por exemplo, é possível realizar uma "campanha paralela". Que pode ser poderosa (veja-se o caso de Obama).

Esta teia de relações não pode ser ignorada.

Cada vez mais a comunicação passará por aí. Os antigos modelos de segmentação dos públicos-alvo começam a estar ultrapassados.

O que ainda hoje é uma "campanha paralela", pode passar, num futuro não muito distante, a ser a "própria campanha".

O que hoje são sementes...



publicado por notasdeabrantes às 20:23 | link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

Até outro dia!

Os Tribalistas

Manuela já tem sucessor

Placard Informativo

Empresas que mexem

Portas-Abertas nos Bombei...

O Campo dos Media

Para pensar

A Comunicação como apoio ...

A política de Portas-Aber...

arquivos

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

blogs SAPO
subscrever feeds